Skip to content

Como Funciona o Auxílio Emergencial





O benefício aprovado recentemente pelo Governo Federal chamado Auxílio Emergencial, vem para ajudar os cidadãos que tiveram suas atividades econômicas interrompidas por conta da pandemia mundial do Covid-19.

Neste artigo, lhe mostramos o que é o auxílio emergencial e a partir de que data o governo estará recebendo a matrícula dos cidadãos que podem se beneficiar da renda.

Além disso, lhe contamos quem pode se cadastrar para receber o auxílio emergencial e quais são os requisitos para recebê-lo.




Para finalizar, lhe mostramos onde realizar a inscrição no auxílio emergencial através do site oficial do programa e do aplicativo para celular.

Saiba Mais…

Auxílio Emergencial: Quem Tem Direito E Como Se Cadastrar?
Auxílio Emergencial: Quem Tem Direito E Como Se Cadastrar?

O Que É O Auxílio Emergencial 2020?

Devido à pandemia do Covid-19, conhecido no Brasil como “Coronavírus“, organizações do país conseguiram junto ao Governo Federal instituir uma renda básica chamada auxílio emergencial.

A ajuda, que será administrada pela Caixa Econômica Federal, promete o auxílio no valor de R$600 por até três meses e está disponível para todos os trabalhadores informais do país.




A partir do dia 07/04/2020, será feito o cadastramento de todos trabalhadores que receberão o benefício, através do site ou do aplicativo para celular.

Quem Pode Se Cadastrar Para Receber O Auxílio Emergencial?

Segundo a Caixa Econômica Federal, terão direito ao auxílio emergencial os trabalhadores informais, desempregados, MEIs (Microempreendedores individuais) e contribuintes individuais do INSS.




É claro que o benefício só será concedido aos cidadãos que cumpram os requisitos de renda média estipulados pelo governo.

Além desses casos, receberão o auxílio emergencial automaticamente os cidadãos que já recebem Bolsa Família ou que estão inscritos no Cadastro Único (CadÚnico). Nesses casos, não será necessário se inscrever no programa.

Estão fora do auxílio emergencial os cidadãos que já recebem outro tipo de benefício do governo, como seguro desemprego e aposentadoria, com exceção do Bolsa Família.

Quais Os Requisitos Para Receber O Auxílio Emergencial?

Os requisitos para receber o Auxílio Emergencial são os seguintes:

  • ser MEI;
  • ter inscrição no Cadastro Único (CadÚnico);
  • ter renda média de até meio salário mínimo (R$522,50) por pessoa na família e renda total de até 3 salários mínimos (R$3.135) por família;
  • ser contribuinte individual ou facultativo da Previdência Social;
  • ser maior de 18 anos de idade;
  • não ter recebido rendimentos tributáveis de valor acima de R$28.559,70 no ano exercício 2018.

Qual O Valor Do Benefício?

O benefício tem o valor de R$600,00, terá duração de 3 meses e será concedido para até duas pessoas da família, totalizando no máximo R$1200,00 de auxílio emergencial.

A mulher que for mãe solo e tiver os demais requisitos poderá receber até duas cotas por mês, totalizando R$1200,00

Como Se Cadastrar Para Pedir O Auxílio Emergencial?

Os trabalhadores interessados em obter o benefício poderão realizar a inscrição através do site Auxílio Caixa Econômica Federal e também através dos aplicativos para celular (disponível para Android e IOS).

Como Se Cadastrar Para Pedir O Auxílio Emergencial?
Como Se Cadastrar Para Pedir O Auxílio Emergencial?

Só deverão se cadastrar os cidadãos que preencham os requisitos e que não tenham ainda CadÚnico.

Para se cadastrar siga os passos do sistema que lhe pedirá: nome, CPF, número de telefone, conta bancária no CPF do titular e CPF dos demais familiares. É importante que todos os CPFs estejam regularizados para que a matrícula se concretize.

Como Se Cadastrar Para Pedir O Auxílio Emergencial?
Como Se Cadastrar Para Pedir O Auxílio Emergencial?

A inscrição nas plataformas não garante o recebimento do auxílio emergencial, uma vez que a condição do trabalhador será analisada cuidadosamente para ver se o mesmo realmente necessitará do benefício. A resposta sai em até 48 horas e o benefício será abonado a partir do dia 16/04/2020 ou antes.