Pular para o conteúdo

Como Recuperar Arquivos Deletados Da Lixeira Do Gmail

    Esses dias eu  resolvi fazer uma organização em meus e-mails e, acidentalmente, deletei alguns arquivos importantes.  Felizmente, consegui recuperar os arquivos deletados.

    Anúncios

    Entretanto, como não sabia que isso era possível, realizei uma pesquisa e vou compartilhar, neste artigo, como recuperar os arquivos deletados da lixeira do Gmail.

    O Gmail é um serviço de mensagens eletrônicas criado pela Google em 2004 e, atualmente, já possui 1,5 bilhões de usuários ativos no mundo inteiro.

    Este crescimento não é à toa, visto que oferece um serviço satisfatório quando se trata de mensagens eletrônicas e possibilita a recuperação de e-mails excluídos sem querer, o que ocorre frequentemente.

    Existem duas formas para recuperar arquivos deletados da lixeira do Gmail, saiba quais são elas a seguir.

    Como Recuperar Arquivos Deletados Da Lixeira Do Gmail

    Recuperar Arquivos Do Gmail Excluídos Em Menos de 30 Dias

    Quando você deletar ou excluir seus e-mails eles vão parar na lixeira. A lixeira é uma pasta que abriga e-mails deletados por 30 dias. A boa notícia é que tem como recuperar esses e-mails da lixeira e você dispõe de 30 dias após a exclusão das mensagens.

    Anúncios

    A seguir, veja o passo a passo de como recuperar os arquivos da lixeira do Gmail.

    • Clique em “MAIS”, no menu da lateral esquerda e selecione a opção “LIXEIRA”;
    • Ao lado, aparecerão os e-mails que foram apagados. Procure e selecione quais você gostaria de recuperar;
    • Após selecionar, clique no ícone da pasta que tem uma flechinha, este é o ícone de “MOVER PARA”;
    • Escolha a pasta que você gostaria de enviar esses e-mails deletados, geralmente, escolhe-se a CAIXA DE ENTRADA;
    • Pronto! Seus e-mails foram recuperados e podem ser encontrados novamente na pasta que você moveu no passo anterior.

    Também é possível esvaziar a pasta da LIXEIRA e excluir todos os e-mails. Veja como fazer isso a seguir:

    • No menu da lateral esquerda, clique em “MAIS”;
    • Selecione a opção “LIXEIRA”;
    • Clique na opção “ESVAZIAR LIXEIRA AGORA”.

    Como Recuperar Arquivos Deletados Da Lixeira Do Gmail

    Agora, se o e-mail que você precisa recuperar foi deletado da lixeira porque você acabou esvaziando-a, ainda tem como tentar recuperá-lo. Para esses casos, o Google possui uma ferramenta de recuperação de arquivos deletados por acidente, por engano ou por invasão de conta.

    Entretanto, isso só é possível, se a mensagem ainda estiver nos servidores da Google, que se mantém também por um prazo de 30 dias.

    Veja como fazer isso a seguir.

    Anúncios
    • Entre na página de recuperação de e-mails da Google. No seu Gmail, em Support Google;
    • Clique em “CONTINUAR”;
    • Siga as orientações da plataforma para dar continuidade.

    Em alguns casos, essa alternativa não conseguirá recuperar seus dados deletados da lixeira do Gmail. Mas a boa notícia é que se o arquivo deletado é realmente importante, saiba que ainda assim é possível tentar recuperá-lo com programas de recuperação de dados, como o FoneLab Data Retriever.

    Existem outros programas com essa função, em modalidades pagas ou em modalidades que não cobram nada, tais como:

    • EaseUS Data Recovery Wizard;
    • Recuva;
    • Puran File Recovery;
    • Disk Drill;
    • Wise Data Recovery.

    Eles são os mais buscados para recuperação de dados e cada um deles possui outras funcionalidades específicas, tais como o suporte, a quantidade de arquivos recuperados e atualizações.

    Se você precisar recuperar algum arquivo e não conseguiu com as alternativas acima, certamente os programas podem ser uma boa alternativa que poderão te auxiliar neste caso. Mas é importante frisar que nem mesmo os programas são capazes de dar 100% de certeza na recuperação dos e-mails.

    Eu recuperei meus e-mails porque deletei sem querer e estavam na lixeira. Espero que você também consiga recuperar os seus arquivos deletados da lixeira do Gmail.

    Este artigo é meramente informativo, ou seja, não possui nenhum vínculo com a empresa que oferece o serviço e que, por acaso, poderá ser citada no decorrer do artigo. Não isentamos a busca de informações no site oficial da operadora.

    0